logo

                                       004563 d3a64bb59a9b48938200c969704a5484 mv2 d 2153 2043 s 2

Município registra perdas na agricultura decorrentes da falta de chuva

Nesta semana, o prefeito Gelson Scherer esteve na capital do Estado reunido com a Secretária da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Silvana Covatti, com a finalidade de apresentar relatório sobre as perdas que já podem ser registradas na agricultura decorrentes da estiagem.

De acordo com o relatório de levantamento de perdas, elaborado pelos técnicos da EMATER/Chapada, as perdas, neste momento, estão concentradas na cultura de milho (grãos e silagem), feijão safra, pastagens e leite.

  • No milho grão, a expectativa inicial de rendimento era de 9.378 kg por hectare e a expectativa atual de rendimento é de 1.250 kg por hectare, o que resulta numa perda econômica de R$33.649.920,00, considerando a área plantada de 3.000 hectares;
  • No milho silagem, de uma produção estimada de 36.667 kg/ha, a expectativa atual de rendimento é de 12.000 kg por hectare, com perdas de R$ 9.866.800,00;
  • Nas pastagens, a perda econômica é de aproximadamente R$ 4.000.000,00.

As perdas econômicas totais em decorrência da estiagem já perfazem um total de R$ 67.408.970,00, o que afeta de maneira significativa a economia do Municipio, essencialmente agrícola. Caso a estiagem se prolongue, afetando ainda mais as lavouras e a produção de leite, o Município poderá decretar estado de emergência na agricultura, o que auxiliará os produtores rurais na renegociação de dívidas, a acionar o seguro rural ou obter crédito para as safras seguintes.

estiagem SEADPR Prefeito Gelson reunido com a Secretária de Agricultura Silvana Covatti, expondo a situação da estiagem em Chapada

Imprimir Email